Imagem ilustrativa de um carro sendo inspecionado na manutenção preventiva automotiva.

A manutenção preventiva automotiva refere-se a intervenções regulares em veículos para evitar falhas e prolongar sua vida útil. Essa prática é crucial para prevenir gastos inesperados e garantir o desempenho eficiente do automóvel.

 

Ao adquirir um veículo, muitos se concentram no valor de compra, ignorando um aspecto crucial para a segurança e longevidade do automóvel: a manutenção preventiva.

Enquanto alguns a veem como um gasto desnecessário, a manutenção preventiva é, na verdade, um investimento essencial que garante diversos benefícios para o veículo.

Investir na manutenção preventiva é investir na sua segurança, no seu bolso e na vida útil do seu veículo. Continue lendo este material da Ampri para saber como realizar a manutenção preventiva da maneira correta e evitar problemas futuros.

O que é manutenção preventiva?

Você já parou para pensar na importância de dar ao seu veículo a atenção que ele merece? A manutenção preventiva automotiva é como um cuidado especial, uma garantia de que seu carro estará sempre pronto para encarar as estradas com toda a segurança e confiabilidade. 

A manutenção preventiva vai muito além de reparos programados. Busca evitar falhas inesperadas, proporcionando segurança, confiabilidade e qualidade ao seu veículo. Pode ser realizada seguindo intervalos regulares baseados na quilometragem, ou condições de uso.

A grande vantagem da manutenção veicular é sua eficácia em oferecer cuidados de baixo custo e rápida execução, superando outros tipos de manutenção. Em um mundo onde o tempo é precioso, essa abordagem se destaca como uma solução eficiente para manter todas as engrenagens do seu veículo funcionando perfeitamente.

Quanto mais frequentes forem os reparos preventivos, menores serão as chances de enfrentar reparos corretivos custosos. Imagine a tranquilidade de não ter que lidar com despesas inesperadas ou ficar à espera de socorro no meio da BR.

Quais os benefícios da manutenção preventiva?

A seguir, confira porque é importante fazer manutenção preventiva no seu carro. 

1. Prevenção de falhas

A manutenção preventiva é um investimento importante para garantir a segurança e o bom funcionamento do seu veículo. Ela vai além de trocar o óleo e fazer revisões básicas, consistindo em um conjunto de medidas que identificam e corrigem pequenos problemas antes que se transformem em falhas graves.

2. Prolongar a vida útil do veículo

A manutenção preventiva garante o bom funcionamento de todos os componentes do veículo, aumentando sua vida útil e te permitindo aproveitar seu carro por mais tempo. Com a manutenção em dia, os componentes do seu carro se desgastam menos, reduzindo a necessidade de substituição de peças.

3. Melhorar a segurança do veículo e dos ocupantes

A manutenção preventiva garante que os sistemas de freios e pneus, entre outros componentes do veículo, estejam em perfeitas condições, proporcionando maior segurança para você, sua família e demais agentes no trânsito. Um carro bem cuidado tem menos chances de apresentar problemas que podem levar a acidentes.

4. Valor de revenda mais alto

Um carro com histórico de manutenção preventiva é mais atraente para compradores, porque demonstra cuidado e atenção com o veículo. Ao vender seu carro, você poderá obter um valor de revenda mais alto devido à sua excelente condição.

5. Redução de custos

A prática da manutenção preventiva não apenas evita surpresas desagradáveis com reparos de emergência, mas também proporciona uma gestão financeira mais eficiente

Ao optar por investir em manutenções regulares e de custo reduzido, em vez de enfrentar despesas imprevistas, você consegue detectar problemas de maneira precoce e se preparar para isso.

O que fazer na manutenção preventiva automotiva?

A seguir, criamos um checklist de carro simples para te auxiliar na manutenção preventiva do seu veículo, garantindo sua segurança, desempenho e tranquilidade nas estradas. 

Porém, é válido levar o veículo para uma oficina mecânica e entender quais itens merecem atenção, com base no modelo e condições de uso. Utilize as informações apenas como um guia. Confira!

  • Os pneus precisam ser calibrados regularmente e verificados quanto ao desgaste e à presença de danos.
  • O alinhamento e balanceamento das rodas garantem a estabilidade do veículo em alta velocidade.
  • Todo o sistema de freios precisa ser verificado periodicamente para garantir sua eficiência.
  • O sistema de suspensão precisa ser verificado para garantir o conforto e a segurança do veículo.
  • A bateria precisa ser avaliada para garantir carga e vida útil.
  • Faça a verificação do nível e estado do fluido hidráulico, com reposição e troca quando necessário.
  • Realize a inspeção da bomba e mangueiras, buscando por vazamentos, rachaduras ou outros danos.
  • Certifique-se que as luzes do veículo vão funcionar em situações de emergências. 
  • A troca regular do óleo e do filtro é fundamental para manter o motor lubrificado e funcionando.
  • O nível e a qualidade do líquido de arrefecimento são essenciais para evitar o superaquecimento do motor.
  • O fluido de freio garante a eficiência do sistema de freios e precisa ser verificado com frequência.
  • Os cintos de segurança precisam ser verificados para garantir sua segurança. Observe desgaste do tecido, com fios soltos ou rasgados.
  • Os airbags precisam ser verificados para garantir seu funcionamento em acidentes. 
  • Também verifique o nível e estado do fluido hidráulico, com reposição e troca quando necessário.
  • Verificação de folgas e desgaste nas Barras e Braços, com ajustes e reparos específicos.

Qual a frequência recomendada para a manutenção preventiva?

A frequência ideal para a manutenção preventiva automotiva depende de alguns fatores, como o modelo do carro, o tipo de uso e as condições climáticas. Por exemplo, carros mais novos geralmente exigem menos manutenção do que carros mais antigos. 

Além disso, carros usados diariamente em ambientes urbanos exigem mais manutenção do que carros usados esporadicamente em ambientes rurais. Além disso, veículos usados em regiões com climas extremos exigem mais manutenção do que carros usados em regiões com climas amenos.

De modo geral, a maioria dos fabricantes recomenda que a manutenção preventiva seja realizada a cada 10.000 km ou a cada 6 meses, o que vier primeiro. No entanto, é importante consultar o manual do proprietário do seu veículo para obter informações específicas sobre a frequência da manutenção preventiva.

Garanta a segurança e longevidade do seu carro com manutenção preventiva

Para manter seu carro em dia com a manutenção preventiva, é recomendado criar um cronograma de manutenção e anotar no manual do proprietário quando cada item precisa ser verificado e trocado. 

Além disso, é importante levar seu carro a um centro automotivo de confiança, com profissionais qualificados e experientes, e ficar atento aos sinais de alerta, levando o veículo a um centro automotivo assim que algum problema for identificado. E, claro, sempre utilizar peças de reposição de qualidade. 

A Ampri é uma empresa especializada em peças automotivas de alta qualidade e segurança. Oferecemos uma ampla gama de produtos e serviços para atender às suas necessidades de manutenção preventiva.

https://ampri.com.br/troca-do-reservatorio-limpeza-e-sangria-do-sistema-de-direcao/